São Leopoldo – Presidente da Assembleia Legislativa visita Hospital Centenário

Compartilhe:
Email this to someone
email
Share on Facebook
Facebook

Luís Augusto Lara recebeu carta de trabalhadores do local

Funcionários do HC solicitaram que a carta seja entregue ao governador Eduardo Leite – Crédito: Thales Ferreira/ASCOM Prefeitura de São Leopoldo.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Luís Augusto Lara (PTB), esteve em São Leopoldo na última segunda-feira (3) para conferir a situação do Hospital Centenário. Acompanhado do prefeito Ary Vanazzi (PT), da presidenta do Centenário, Lilian Silva, e de representantes de vários partidos, Lara recebeu de um grupo de trabalhadores uma carta com um breve relato sobre a situação financeira da Instituição e o pedido para que a mensagem seja entregue ao governador Eduardo Leite (PSDB). Mais de 350 funcionários, de todos os setores, assinam a carta. “O Centenário já fez muito mais do que faz hoje, e tem condições de voltar a fazer. Por isso, precisamos que vocês olhem com carinho para o nosso hospital”, disse, ao entregar o documento, a técnica de enfermagem Maria Gislene Paim, servidora com 30 anos de casa.

A visita de Lara ao Centenário ocorreu após o prefeito ter liderado, no mês de abril, uma comitiva composta por vereadores, secretários e dirigentes partidários, à Assembleia, para pedir apoio do presidente do Legislativo para a situação do Hospital Centenário, agravada pela negativa do governo do Estado em repactuar os recursos e continuar remetendo ao Centenário a quantia de R$ 255 mil mensais. Durante a visita desta segunda-feira, Lara informou que tratou do assunto com o governador, e este pediu a ele para aguardar até o início da segunda quinzena de julho, quando poderá ter uma nova posição em relação ao tema.

“O caso do Centenário é um daqueles que, com um pouco de ajuda, desafogaria toda a Região Metropolitana, e isso precisa ser perseguido”, enfatizou Lara, prometendo buscar agendas, anteriores a julho, com o secretário-chefe da Casa Civil, Otomar Vivian, e com a secretária estadual de Saúde, Arita Bergmann, para adiantar as tratativas técnicas. “Todas as conversas são bem-vindas, e é isso que estamos buscando, todo o tipo de apoio possível”, frisou Vanazzi.

Após receber a carta dos trabalhadores, Lara percorreu algumas áreas do Hospital, dentre elas, a Emergência, e a Clínica Cirúrgica, unidade que está fechada desde o início da restrição do atendimento, em 6 de maio. “O fechamento desta clínica é uma das medidas que tomamos e que valerá pelos próximos 90 dias, para conseguirmos nos organizar e continuar atendendo os pacientes com os recursos que recebemos”, explicou o prefeito.

Participaram do ato de entrega da carta em nome dos trabalhadores do Hospital que subscrevem o documento, Maria Gislene Paim, da Enfermagem; Maria Natalina Nunes, Sirlei Loechner e Gelmi Glasorester, do setor de Higienização; Rosane Blasi, Juraci Cristina de Oliveira dos Santos e Eliandro Santos, da área Administrativa.

Acompanharam a visita do presidente da Assembleia, o presidente da Câmara de Vereadores, Ary Moura; os vereadores Ana Affonso, Perci Oliveira, Edite Lisboa e Fabiano Haubert; o secretário municipal de Saúde, Ricardo Charão; a vice-presidenta de Operações do Centenário, Janaína Corrente; o vice-presidente Administrativo, Antônio Begnini; o procurador-geral Maicon Barbosa; a coordenadora de Enfermagem do Centro Obstétrico e Maternidade, enfermeira Simone de Souza, e a presidenta do Conselho Municipal de Saúde, Izabel Teresinha de Souza Oliveira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 − 4 =