Portão – Lacerda: Município precisa criar cadastro de doadores de sangue

Compartilhe:
Email this to someone
email
Share on Facebook
Facebook
Crédito: Divulgação.

Márcio Lacerda (PDT) protocolou na última segunda, dia 13, a Indicação 39/2019 para que o governo Renato Chagas institua o Cadastro Municipal de Doadores de Sangue. O intuito do vereador é essa listagem ficar à disposição da comunidade sempre que um portonense necessitar de transfusão, tornando o processo mais ágil, organizado e tranquilo. “Diariamente há pessoas em hospitais que precisam da doação de sangue, mas a dificuldade em consegui-lo é tarefa árdua. A situação fica mais alarmante quando um paciente precisa urgentemente de sangue, o que traz angústia ao paciente, à família e aos amigos por, de uma hora para outra, precisar do sangue adequado.”

Pela proposta do pedetista, o cadastro seria gerenciado pela Secretaria da Saúde de Portão, que acionaria os contatos sempre que surgir necessidade. Além disso, o Município apoiaria os voluntários cedendo o transporte até o banco de sangue para fazer a coleta. “A doação é um gesto humanitário, que incentivaríamos através do cadastro municipal. Tudo ficaria mais rápido e tranquilo, principalmente em casos emergenciais”, diz.

Parada de ônibus

Lacerda também protocolou, na última semana, o Pedido de Providência 72/2019, em que reivindica ao Executivo a recolocação de uma parada de ônibus nas proximidades da Escola Municipal Gonçalves Dias, na localidade de Cachoeira. “Nesse lugar existia uma parada, mas em virtude de um temporal foi destruída, deixando as crianças e os moradores sem abrigo para pegar o transporte”, explica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × quatro =