NOVO HAMBURGO – Fiação em postes de Hamburgo Velho deve ser reduzida em 30 dias

Compartilhe:
Email this to someone
email
Share on Facebook
Facebook

Prazo foi sugerido pelo secretário de Cultura, Ralfe Cardoso, em reunião com representantes da RGE e de empresas de telefonia 

Faltam pouco menos de 30 dias para uma das comemorações mais importantes entre os hamburguenses. O 25 de julho é o dia de reforçar a celebração da chegada dos primeiros imigrantes e o começo de uma história pontuada pela força do trabalho e da cultura. E é exatamente este o prazo, 30 dias, para que uma mudança possa ser percebida no âmbito do Centro Histórico de Hamburgo de Velho. Poluição visual e sensação de desleixo, os cabos e fios que hoje se embolam nos postes devem começar a ser retirados, pelo menos os chamados inservíveis. 

O prazo foi indicado pelo secretário municipal de Cultura, Ralfe Cardoso, durante reunião na sede da Secretaria Municipal de Cultura (Secult) na tarde de quinta-feira, dia 24. Ele recebeu representantes da RGE e de empresas de telefonia e comunicação, junto com a procuradora-geral do Município, Fernanda Luft, e da secretária interina municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Laís Corteletti, entre outros representantes da administração municipal, como Udo Sarlet, que atua na área de patrimônio cultural na Prefeitura. Também esteve presente o curador da Fundação Scheffel, Angelo Reinheimer.

A reunião desta quinta-feira foi um desdobramento do encontro realizado em março deste ano quando, com a presença da prefeita Fátima Daudt, o movimento para a remoção dos fios foi reforçado e a RGE se comprometeu a fazer a limpeza da fiação.

Importância da parceria 

Ralfe Cardoso busca deixar claro que esta iniciativa não deve ser encarada como algo “policialesco”, mas como uma ação de gestão da cultura na área do patrimônio histórico. “Precisamos entrar em um processo de parceria, somos transitórios, no futuro não estaremos aqui, mas teremos plantado mais que uma ideia, uma mudança de postura”, destaca o secretário. O Centro Histórico de Hamburgo Velho, diz ele, deve se transformar naquele lugar de pertencimento de todos os hamburguenses e também como atrativo para o fazer cultural e turismo.

Representante da RGE e responsável por notificar as outras empresas que mantêm fios e cabos nos postes, Elisandra Castro reforça o comprometimento da empresa em promover esta modificação por meio da reorganização dos fios. “Para isso, sem dúvida, devemos atuar em parcerias, junto com os compartilhantes”, diz Elisandra, que é consultora de negócios da RGE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *