Criadores da Raça Jersey poderão usar afixo das Prefeituras para registro de animais

Compartilhe:
Email this to someone
email
Share on Facebook
Facebook

Iniciativa da ACGJRS visa facilitar o registro, para o criador, dos animais de sua unidade de produção

De acordo com presidente da ACGJRS, ideia é atingir 50% dos municípios que tem rebanho siginificativo – Crédito: Divulgação.

Um projeto desenvolvido pela atual diretoria da Associação de Criadores de Gado Jersey do Rio Grande do Sul (ACGJRS) com as prefeituras municipais pretende facilitar o registro dos animais e, consequentemente, melhorar a genética Jersey dos rebanhos do município. A iniciativa funciona da seguinte forma: as prefeituras passarão a ter um afixo na Associação. Assim, cada criador poderá utilizar o afixo da prefeitura do seu município para registrar seus animais. Posteriormente, os dados são enviados ao Serviço de Registro Genealógico (S.R.G) da Associação gerando um senso do rebanho mais fiel e preciso.

De acordo com o presidente da ACGJRS, Darcy Bitencourt, o objetivo do projeto é oferecer uma alternativa que deve beneficiar tanto o município, quanto o produtor. “É um tipo de parceria onde todos ganham. Para o criador será importante, pois terá apoio”, afirmou. As prefeituras de Anta Gorda e Boa Vista do Cadeado foram os primeiros municípios a aderir ao projeto. Segundo o presidente da ACGJRS, mais duas prefeituras devem aderir a parceria de colaboração nas próximas semanas. “Devemos assinar essa parceria nos próximos dias com os municípios de Cerrito e Morro Redondo. No entanto, nosso objetivo é atingir 50% dos municípios que tem um rebanho significativo de Jersey até o final do ano”, afirma Bitencourt.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × quatro =