Campanha para tratamento de câncer raro ganha apoio na região

Compartilhe:
Email this to someone
email
Share on Facebook
Facebook

Ruan Carlos trata de cânceres no apêndice e no peritônio 

Ruan é formado na Unisinos – Crédito: Divulgação  

O fotógrafo portonense Daniel Fraga está engajado à campanha para ajudar o pedagogo Ruan Carlos Sansone, 27 anos, a tratar dois cânceres raros (do apêndice e do peritônio) descobertos em setembro deste ano. Aluno do curso de Fotografia da Unisinos, Daniel fez uma promoção de dez ensaios fotográficos e reverteu toda a renda em favor do colega. “Foi criada uma vaquinha para arrecadar pelo menos R$ 50 mil. Ele precisa fazer uma cirurgia que o SUS não disponibiliza em sua totalidade, mas somente ela traz chances reais de sobrevivência e cura”, conta o portonense, que cita também colaborações de diversos outros colegas para arrecadar fundos e divulgar a mobilização por Ruan. 

Procedimento 
O procedimento cirúrgico que o paciente necessita exige um perfusor que suga a gelatina produzida pelo câncer no abdome. Esta máquina precisa ser comprada no Exterior, elevando as despesas do tratamento. “Todo este procedimento, incluindo a quimioterapia, custa R$ 50 mil reais. Além disso, ele terá de ficar internado no hospital, no mínimo, trinta dias para realizar os procedimentos pós-operatórios”, relata Daniel. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + treze =