PL diz que cancelou mais de 40.000 inscrições para convenção 

Site do partido foi alvo de tentativa de boicote ao evento que lançará a candidatura da chapa de Jair Bolsonaro no domingo (24.jul.2022)
Depois do que classificou como “ataques”, o Partido Liberal informou nesta quarta-feira (20) que cancelou pouco mais de 40.000 inscrições para a convenção partidária que será realizada no Rio de Janeiro, no domingo (24). No evento, será oficializada a chapa do presidente Jair Bolsonaro (PL). “Foi feita uma triagem das inscrições falsas e os QR Code cancelados. Com o uso de ferramentas próprias”, informou a assessoria do partido. No total, a organização do evento afirmou ter recebido cerca de 50 mil registros. Desses, 10 mil foram confirmados.
Segundo o PL, a triagem não teve auxílio do governo e foi apenas responsabilidade do partido. Para o filtro, foram utilizadas inteligência artificial e “outras ferramentas”. A assessoria também disse que os “IPs [número de dispositivos ou redes] de ataques foram armazenados para eventuais medidas legais se forem configurados crimes”. Na terça-feira (19), a página do Sympla, plataforma na qual é possível se inscrever para a convenção, estava fora do ar. O motivo foi o alto número de acessos. Como o Poder 360 mostrou, o PL mobilizou a equipe de tecnologia para evitar a derrubada do link das inscrições. Integrantes do partido afirmaram haver um ataque coordenado para tirar o site do ar e esvaziar o Maracanãzinho, local escolhido no Rio de Janeiro (RJ) para a convenção do partido. O lançamento da chapa de Bolsonaro será às 11h22. Os portões do ginásio abrem para entrada do público às 8h22. O “22” dos minutos é o mesmo da sigla do PL. No convite para o evento, o PL pede aos apoiadores que participem vestidos de verde e amarelo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

quatro × dois =