Esportista ocupa tribuna da Câmara de Novo Hamburgo para falar sobre breakdance

Bily Ânderson  destaca importância da modalidade, que será olímpica para 2024 

Por meio do Pedido e Indicação de Providência nº 3830/2021, o vereador Ênio Brizola sugeriu na sessão desta quarta-feira (3) ao Executivo, um estudo para a implantação de um centro de treinamento e convivência de breaking no Município. O parlamentar cedeu seu lugar na tribuna, com a aprovação de todos os vereadores, ao Bily Ânderson. 

O jovem destacou que é o único esportista em Novo Hamburgo credenciado no Conselho Nacional de Dança Desportiva (CNDD). Ele reforçou a solicitação de do parlamentar, tendo em vista que o breakdance passará a integrar as modalidades Olímpicas para Paris em 2024.

Preparação  

Segundo o documento do vereador, cidades e estados do Brasil já estão começando a se preparar para ter participação dos interessados à competição. Bily informou que estará presente, nos próximos dias, em um seminário sobre o tema em Maringá, Paraná. “O Breaking já foi muito perseguido pelos agentes públicos. Quem era pego dançando na rua, apanhava. Foi muito discriminado. Eu estou aqui lutando pelo nosso espaço e estou muito feliz em falar sobre isso. É uma modalidade que envolve inclusão social. Ele proporciona que crianças e jovens criados em zonas de risco tenham outra história. O esporte dá perspectiva de vida, salva das ruas e muda o caminho das drogas e do crime. Peço um olhar com carinho do Poder Público para isso. Se tivéssemos um lugar de fácil acesso no centro da cidade, como o ginásio municipal, seria muito bom”, descreveu.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + quatro =