CAMPO BOM – Serviço de telemedicina encerra atividades nesta sexta-feira

Com mais de 4,6 mil atendimentos realizados, serviço ficou mais de um ano em funcionamento  

O serviço de telemedicina contratado pela Prefeitura de Campo Bom em julho de 2020 cumpriu seu papel. Após um ano e dois meses de funcionamento, o programa conclui suas atividades com mais 4.650 atendimentos realizados. O prefeito Luciano Orsi lembra que o serviço foi implantado, na época, devido ao alto número de contágios por coronavírus. “A telemedicina se mostrou fundamental no período critico da pandemia, oferecendo atendimentos médicos de qualidade sem que a população precisasse sair de casa e correr o risco de se contaminar”, aponta. 

O serviço atingiu seu pico de atendimentos em março deste ano, no auge da pandemia. “Tivemos momentos de grande fluxo de atendimento e de tempos para cá, observamos redução bastante significativa. Dessa forma, consideramos que esse serviço cumpriu a necessidade para o qual foi contratado. Hoje, o baixo número de atendimentos não justifica o alto investimento no serviço, e a boa gestão do dinheiro público é assunto sério em nossa administração”, complementa Orsi. 

Encerramento 

A telemedicina vai encerrar os atendimentos telefônico e por WhatsApp na sexta-feira, dia 1º. A partir de então, conforme explica o secretário da Saúde João Paulo Berkembrock, os pacientes que precisarem de assistência médica devem se dirigir diretamente a uma unidade de saúde, ao Pronto Atendimento (PA) ou ao Hospital Lauro Reus. “A vacinação em nossa cidade está avançada e podemos perceber os resultados disso no baixo número de contaminações, portanto, voltamos a atender pacientes com sintomas de Covid nas unidades, inclusive na Celeste, que estava restrita apenas às crianças sintomáticas. Aos poucos, vamos retornando à normalidade e isso reflete também nos formatos de atendimento”, pontua.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × um =