Agentes de segurança recebem homenagem da Câmara de Novo Hamburgo

Ação ocorre pela redução da criminalidade no município  

A queda nos índices de criminalidade em todo o Estado, especialmente em Novo Hamburgo, e os investimentos no bairro rural da cidade pautaram encontro promovido pelo Legislativo hamburguense na Casa Grupo Sinos na Expointer, realizado na noite desta quarta-feira, 8. No evento, com a participação de 11 vereadores e da prefeita Fátima Daudt, a Câmara homenageou agentes responsáveis por trazer mais segurança à população.

Conforme o vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, o combate à violência é uma das áreas prioritárias de atuação do governo estadual, cujos resultados positivos foram conquistados por meio do programa RS Seguro. Ele destacou a integração, a inteligência e o investimento como três premissas fundamentais para a segurança.

“Vivemos em uma região metropolitana, cortada por quatro rodovias federais onde passam centenas de milhares de veículos diariamente. Nesse eixo, entre Porto Alegre e Estância Velha, residem mais de 2,5 milhões de gaúchos. Como é possível fazer segurança pública sem estarmos integrados às polícias da União e às guardas municipais?” O secretário também citou a análise dos dados referentes aos crimes e o incentivo aos servidores da área como essenciais na melhoria dos indicadores. “Desde julho de 2020, o Estado não adquire mais viaturas que não sejam blindadas. Tem acréscimo de até 40% no custo, mas para nós o mais importante é dar mais segurança àqueles que atuam em prol da sociedade gaúcha.” Em relação a Novo Hamburgo, o delegado apontou redução de 30% em crimes contra a vida e queda de 59% no roubo de veículos nos últimos 12 meses. Segundo Vieira Júnior, o programa, somado à abnegação de todos que atuam no setor, fez com que se conseguisse, ao longo do governo, chegar aos menores índices em ocorrências, como latrocínios, homicídios e assaltos a banco. Ele também enalteceu o apoio do Judiciário e das instituições municipais no combate à criminalidade.

Parceria 

O presidente Raizer Ferreira (PSDB) lembrou que, enquanto chefe de gabinete da prefeita, recebeu diversas demandas da Polícia Civil e da Brigada Militar e, assim, pôde estreitar os laços com os profissionais que atuam no segmento. “Vimos as corporações cada vez mais unidas e os índices cada vez diminuindo mais. Por isso, queremos exaltar esses números e agradecer às forças de segurança da nossa cidade.”

A chefe do Executivo agradeceu a disponibilidade de todos que trabalham em Novo Hamburgo e lembrou que uma das primeiras ações de sua administração foi a valorização da Guarda Municipal. Após a manifestação das autoridades, os parlamentares entregaram um quadro a cada um dos homenageados. Estiveram presentes o diretor da 3ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana, Eduardo Hartz, representando a chefe da Polícia Civil do RS, delegada Nadine Anflor; o secretário de Segurança do Município, general Roberto Jungthon; o comandante do 3º Batalhão de Polícia da Brigada Militar, tenente-coronel André Marcelo Ribeiro Machado; o diretor da Guarda Municipal, Ricardo Carvalho; e os delegados Tarcísio Kaltbach e Ivanir Matos Santos.

Participaram do evento o deputado federal Lucas Redecker (PSDB) e os vereadores Cristiano Coller (PTB), Darlan Oliveira (PDT), Enio Brizola (PT), Felipe Kuhn Braun (PP), Gerson Peteffi (MDB), Gustavo Finck (PP), Lourdes Valim (Republicanos), Ricardo Ritter (PSDB), Tita (PSDB) e Vladi Lourenço (PSDB).

Desenvolvimento rural 

Antes da pauta sobre segurança, a secretária de Desenvolvimento Econômico, Paraskevi Bessa-Rodrigues, apresentou os investimentos no setor de agricultura e as melhorias na infraestrutura de Lomba Grande, bairro rural de Novo Hamburgo. Ela destacou o fomento ao turismo rural, o apoio às feiras de produtores, o atendimento especializado aos agricultores, a revitalização de estruturas públicas e a promoção do empreendedorismo feminino, que já atingiu cerca de 500 mulheres da localidade.

A secretária enfatizou ainda a conquista da certificação pelo Sistema Unificado Estadual de Sanidade Agroindustrial Familiar, Artesanal e de Pequeno Porte (Susaf), por meio da qual os produtores da cidade, registrados no Serviço de Inspeção Municipal, podem comercializar seus produtos em todo o Rio Grande do Sul.

A prefeita também citou a recente obtenção de recursos para a restauração da Casa da Lomba, uma antiga reivindicação da comunidade e do Legislativo.

O vereador Gerson Peteffi indagou sobre a aplicação de lei de sua autoria, em parceria com Darlan Oliveira, que trata da participação dos produtores rurais orgânicos e da agroindústria em eventos patrocinados ou organizados pelo Poder Público Municipal e sobre a criação de uma feira no bairro Canudos. Paraskevi explicou que, como a Fenac é uma sociedade anônima, é preciso que o conselho da entidade aprove a demanda. Sobre a nova feira, o diretor de Fomento ao Desenvolvimento Rural, Rogério Schonardie, afirmou que servidores da pasta já visitaram dois possíveis locais e que até final de outubro será possível a comercialização de produtos da agricultura familiar no maior bairro da cidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × quatro =