ESPORTE – PSG usa criptomoedas para pagar parte da negociação com Messi

Craque argentino recebe fan tokens do clube francês como parcela das luvas pela assinatura do contrato 

O Paris Saint-Germain informou nesta quinta-feira que utilizou criptomoedas para concluir a negociação com o atacante Lionel Messi. De acordo com o clube francês, o jogador argentino recebeu “$PSG fan tokens” como parte do pagamento das “luvas” pela assinatura do contrato. 

O PSG não disse qual foi o percentual do valor das “luvas” pago em criptomoedas, nem a quantia total oferecida pelo clube para contar com o jogador, que não tinha mais vínculo contratual com o Barcelona. 

“O furor em torno das últimas contratações na movimentada janela de transferência de verão do clube criou um enorme aumento de interesse em “$PSG Fan Tokens”, com volumes de negociação superiores a US$ 1,2 bilhão nos dias anteriores à chegada de Messi”, comentou o PSG. 

Criptomoedas  

Fan tokens é um tipo de criptomoeda que permite ao detentor votar em pequenas decisões relacionadas ao clube, como escolher detalhes no vestiário, e também mandar mensagens motivacionais aos jogadores. 

O Manchester City e o Milan lançaram iniciativas nesse sentido neste ano. Como “bitcoin” e outras moedas digitais, os tokens podem ser negociados em bolsa e variam de preço. 

“Essa iniciativa posiciona ainda mais o Paris Saint-Germain como uma das marcas esportivas mais inovadoras e vanguardistas do mundo”, afirmou o clube, em nota.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete − 5 =