PORTÃO – Preocupado com o desvio, Silvio Eurico quer que isenção no pedágio seja mantida

Seja pelos acidentes, seja pelos danos nas casas dos moradores, vereador vê situação como perigosa  

O vereador Silvio Eurico da Silva (MDB) voltou a manifestar-se com relação ao pedágio de Portão ao ocupar a Tribuna durante a reunião da Câmara desta terça-feira, dia 6. Assim como na sessão da última semana, ele expressou que abrir totalmente o desvio pela Rua São Leopoldo é um risco enorme — seja pelos acidentes, seja pelos danos nas casas dos moradores.

Para ele, a melhor alternativa é o poder público municipal construir um acordo com o governo estadual para que as placas de Portão continuem isentas até mesmo para veículos de propriedade de empresas. Se o pleito for atendido pela Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), diz o vereador, não tem por que a Prefeitura de Portão remover os obstáculos da Rua São Leopoldo que impedem a passagem de caminhões e ônibus. O foco agora é o Município tratar do assunto com o Estado, por meio de reunião com o governador Eduardo Leite, a ser agendada pelo prefeito Kiko Hoff.

Caos 

Em seu discurso, Silvio Eurico afirmou que a região do desvio pelas ruas São Leopoldo e Octávio Juventil da Rosa está “um caos” do ponto de vista da conservação dos passeios, calçadas, meio-fios, bocas de lobo e redes de drenagem. Segundo ele, a canalização não é limpa há anos, o que obrigou moradores a levantarem tampas de esgoto para que a água não invada as moradias. Apesar dessa situação, o parlamentar elogiou o prefeito Kiko pela instalação de uma placa no desvio dizendo: “Aliviamos o seu bolso, agora alivie o seu pé”, ou seja, um alerta para os motoristas respeitarem o limite de velocidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze − três =