Portão – Projeto de Diego permite parceria entre empresas e escolas

Postado por Ari Schneider  /   outubro 16, 2019  /   Postado em Geral  /   1 Comentário

Proposta foi aprovada por unanimidade na Câmara

Diego (foto) é o autor do Projeto – Crédito: Marcelo Fiori/CMP.

E se as empresas pudessem investir na melhoria das escolas públicas de Portão, sem burocracia nem maiores dificuldades? É o que propõe o projeto “Empresa Amiga da Escola”, de autoria do vereador Diego Martins (MDB), aprovado nesta segunda, dia 14, por unanimidade de votos. “Nossa finalidade é autorizar as empresas privadas a investirem, por meio de doações, em melhorias nas escolas de Ensino Fundamental e de Educação Infantil”, afirmou o proponente.

Conforme o presidente da Câmara, a definição das instituições a serem beneficiadas passarão por análise conjunta entre a Secretaria da Educação e a empresa interessada. As doações poderão acontecer por meio de prestação de serviços ou de entrega de materiais para obras.

A doadora poderá colocar banner com exploração de publicidade, dentro da instituição e nas imediações, demonstrando que é “Amiga da Escola” na execução da reforma. Em plenário, Diego ressaltou que a iniciativa vem para atender lacunas deixadas pelo poder público. “Muitas vezes, a morosidade vem da burocracia que é preciso cumprir. A secretária Rosaura Gomes faz o que pode, mas fica difícil dar conta de tudo o que as comunidades reivindicam”, citou.

 

            Debates

 

Em plenário, Márcio Lacerda (PDT) declarou que o PL vem em boa hora, pois o atual governo tem feito parcerias com o setor privado em diversas questões, como eventos do Departamento Municipal de Esportes e a própria Volksfest, que cobre suas despesas com patrocínios privados.

Jorginho observou que o PL é bem-vindo, até porque escolas estaduais já contam com este tipo de parceria, por exemplo, com o voluntariado da Comunidade Terapêutica Santa Rita de Cássia. “Eles pintaram o Parcão, o Hospital, várias escolas, tendo a parceria de uma fábrica de tintas do Rincão do Cascalho”, citou. José Volmar Wogt (PDT) comentou que a proposta de Diego vem para complementar políticas já existentes, como a adoção de canteiros e outros espaços públicos. “Com certeza a comunidade será beneficiada”, disse.

 

Prioridade para o interior

 

Leco (MDB) salientou que seria importante a lei, ao ser implementada, priorizar as escolas rurais. A ideia dele é o Município publicar edital chamando a iniciativa privada a contribuir de acordo com as necessidades de cada unidade de ensino. “O ideal é não esperar que as empresas procurem, mas sim a Prefeitura oferecer”, pontuou.

Bonini (Progressistas) votou a favor da proposta porque acha importante haver um mecanismo legal que permita o setor privado investir na qualificação dos espaços escolares. Adair Rocha (MDB) defendeu que os colégios estejam abertos a parcerias, citando como exemplo a Escola Fraga, que se aproximou de grafiteiros após ter o muro pichado.

 

Um comentário

  1. our coconut oil 25 de novembro de 2019 14:15 Reply

    Hi just wanted to give you a brief heads up and let you know a few
    of the pictures aren’t loading correctly. I’m not sure why but I think its a linking issue.
    I’ve tried it in two different web browsers and both show
    the same outcome.

Postar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

dezoito − 9 =

  • Telefones:

    (51) 3595-0777

    (51) 9 9700-8677 (WhatsApp)