Author Archives Ari Schneider

Câncer de próstata é o tumor que mais mata no Rio Grande do Sul

Postado por Ari Schneider  /   novembro 09, 2018  /   Posted in Geral  /   No Comments

Segundo o Instituto Nacional do Câncer, serão registrados, até o final deste ano, mais de 4.200 novos casos de câncer de próstata no Estado

Por medo, receio ou vergonha, eles fogem do assunto, embora tenham o conhecimento de que se trata de uma doença perigosa. Porém, os números estão aí para provar que os homens não devem, em hipótese alguma, serem negligentes com a própria saúde. Segundo o Inca, serão registrados, até o final deste ano, mais de 4.200 novos casos de câncer de próstata no Estado, com uma assombrosa taxa de 79,27 para cada 100 mil habitantes. Na Capital, o índice é ainda pior: 640 novos casos, com uma taxa de 94,33 para cada 100 mil habitantes. Entre todos os tipos de câncer, é o que mais mata no Rio Grande do Sul. No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens. Em valores absolutos, é o sexto tipo mais comum no mundo e o mais prevalente em homens, representando cerca de 10% do total de cânceres. Sua taxa de incidência é cerca de seis vezes maior nos países desenvolvidos em comparação aos países em desenvolvimento.

Dados do Inca mostram que aproximadamente 62% dos casos de câncer da próstata diagnosticados no mundo acometem homens com 65 anos ou mais. Com o crescimento da expectativa de vida mundial, é esperado que o número de casos novos aumente cerca de 60% até o ano de 2015. Como a doença é silenciosa, visitar um urologista o quanto antes é fundamental. Também é importante ficar atento para identificar sinais, como jato urinário fraco e intermitente, ou quem tenha casos na família.

Especialistas são unânimes em afirmar: o principal motivo para isso é o diagnóstico tardio, provocado, na esmagadora maioria dos casos, à resistência dos gaúchos em realizar os dois testes básicos para a detecção da doença: o exame de sangue e, sobretudo, o exame clínico da próstata, que é feito através do toque retal pelo médico urologista.

O exame de toque gera na cabeça dos homens fantasias negativas e receios, mas, na verdade, eles tem muito medo da dor. Tanto é que os que fazem pela primeira vez, no ano seguinte perdem o medo. Existe um segundo sentimento, que é muito forte: expressar, exteriorizar uma fraqueza se a doença for descoberta. O homem tem pavor disso, porque o câncer é muito relacionado com morte, decadência física, perda da independência, dependência dos outros, afirma Miguel Srougi, professor de urologia da Faculdade de Medicina da USP e pós-graduado pela Harvard Medical School, em Boston, autor de uma dezena de livros sobre o tema. Existe ainda muito preconceito da população masculina para realizar o exame clínico, que é o toque retal. É preciso mudar esse paradigma, principalmente por se tratar de um câncer de alta prevalência e que, por outro lado, é passível de tratamento curativo.

Ainda não se sabe com precisão quais as causas do câncer de próstata, embora alguns fatores de risco tenham sido identificados, como genética, raça negra (especialmente os norte-americanos) e dietas desequilibradas (ricas em gordura animal e carentes de frutas, cereais e vegetais).

Cânceres esporádicos (85%) ocorrem em indivíduos com história familiar negativa. O câncer de próstata familiar é definido como a ocorrência dessa condição em um homem com um ou mais familiares afetados pela doença. Uma pequena população de homens (cerca de 9%) tem câncer de próstata hereditário, definido por três ou mais familiares afetados. A ocorrência pode afetar até três gerações sucessivas ou, no mínimo, dois familiares com doença diagnosticada antes dos 55 anos. Se um parente de primeiro grau tem a doença, o risco é, no mínimo, duas vezes maior. Já se dois ou mais familiares de primeiro grau são afetados, o risco aumenta cinco a 11 vezes.

O desenvolvimento de câncer de próstata clínico também tem sido associado com a reduzida exposição à radiação solar, haja vista a importância desta sobre os níveis de vitamina D. Exposição a determinados tipos de vírus e processos inflamatórios também têm sido investigados como fatores que influenciam o surgimento da doença.

O tratamento depende do tamanho e da classificação do tumor, assim como da idade do paciente e pode incluir prostatectomia radical (remoção cirúrgica da próstata), radioterapia, hormonoterapia e uso de medicamentos. Para os pacientes idosos com tumor de evolução lenta o acompanhamento clínico menos invasivo é uma opção que deve ser considerada.

Segundo Ernani Luis Rhoden, professor de urologia da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre e o urologista Márcio Augusto Averbeck, em artigo publicado em 2009 na Revista da Associação Médica do Rio Grande do Sul, “a tomada de decisões no manejo dessa doença é complexa e deve ser individualizada, levando-se em consideração aspectos como expectativa de vida, resultados terapêuticos a médio e longo prazo e as consequências das principais alternativas terapêuticas atualmente disponíveis, contemplando aspectos como a função sexual, continência urinária e os outros efeitos colaterais”.

Em 2010, morreram 12.778 pessoas devido à doença no Brasil. – No Rio Grande do Sul, de 2009 a 2011, morreram 389 homens de câncer de próstata. – De janeiro a outubro deste ano, a doença vitimou 107 gaúchos. – A projeção é que sejam notificados mais de 4.200 novos casos de câncer de próstata no Estado até o final deste ano, com uma assombrosa taxa de 79,27 para cada 100 mil habitantes. Na Capital, a incidência da doença é ainda pior: 640 novos casos devem ser diagnosticados até o final de dezembro, com uma taxa de 94,33 para cada 100 mil habitantes.

Um estudo realizado pelo Ibope, a pedido da farmacêutica Janssen, constatou que 42% dos homens acima de 40 anos nunca realizaram exame de próstata. Foram entrevistados 643 homens com essa idade em fevereiro deste ano. No Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata, em 17 de novembro, a Sociedade Brasileira de Urologia, com o apoio da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica, disponibilizou um site com um material esclarecedor sobre a doença. A campanha tem o objetivo de desmistificar o câncer de próstata e orientar os homens de que o diagnóstico precoce aliado a um tratamento adequado proporciona uma cura de 90% dos casos.

O câncer de próstata não causa qualquer sintoma em seu início, na fase em que o índice de cura é de 90%. Porém, quando está em estágio avançado, o câncer pode interromper o canal da uretra, causando dor ao urinar, levantando a suspeita de que há algo errado – explica o presidente da SBU, Aguinaldo Nardi. Ele afirma que para o diagnóstico do câncer é preciso cruzar exames como o toque retal, biópsia e a dosagem sanguínea do PSA (Antígeno Prostático Específico). Segundo o especialista, apenas o PSA não aponta a doença, pois cerca de 20% dos casos de câncer de próstata não altera seu índice, e sua alteração também pode ter outras causas que não o câncer.

Feira da Primavera e Artesanato e Encontro de Orquidófilos é neste final de semana

Postado por Ari Schneider  /   novembro 09, 2018  /   Posted in @destaque-foto  /   No Comments

A 2ª edição do evento acontece sábado e domingo, dias 10 e 11, no PAC

Serão 30 expositores de flores, artesanato, orquídeas e praça de alimentação. A expectativa é que em torno de 5 mil pessoas por dia prestigiem o evento que ocorrerá neste final de semana, no Pavilhão de Atividades Culturais Reinato Enio Trein, bairro Centro. Durante os dois dias de feira a entrada será franca e haverá área de alimentação, espaço para comércio de artesanato, e algumas atrações. O horário será das 8h às 20h30, nos dois dias de evento.

Segundo o chefe do Turismo, Gilmar Pereira, os artesãos estão motivados e comprometidos em realizar uma grande festa. Ele confirma que o PAC está sendo revitalizado com o trabalho social de um adolescente, que desenvolve um grafite em um muro ao lado.

Para a presidente da Associação dos Artesãos Estancienses, Rosa Maria Berghan, a expectativa é de uma feira ainda mais movimentada nessa edição. “O ano passado já foi muito bom, e esperamos que seja melhor. O público é diferente quando vem a essas feiras. Este ano tentamos cuidar ainda mais do jardim, pendurar mais flores e ajeitar o espaço. Acreditamos que o público vai gostar”, conclui.

Explanações destaque dos vereadores na sessão ordinária de 6 de novembro

Postado por Ari Schneider  /   novembro 09, 2018  /   Posted in Geral  /   No Comments

Vereadora Lore:

“Gostaria de parabenizar ao presidente deste Casa, vereador Gilberto André Machado. Graças a ele, nossas serventes e merendeiras estão recebendo seus atrasos. A indicação dele é de março de 2017. Até agora ele correu, lutou e batalhou para que ela tivessem esse merecido pagamento. Não quero dar chance para demagogia, de quem quer que seja, pois o mérito é dele. Também quero agradecer a coragem do prefeito em mandar esse projeto para a Câmara, pois ano passado votamos o aumento das horas e o salário não foi ajustado. Agradeço a administração que tem pagado os salários em dia sempre, inclusive já foi paga a primeira parcela do 13º. E claro, não posso deixar de parabenizar às servidoras, pois elas são o coração da nossa educação. O trabalho delas é muito importante.”

Vereador Dilceu:

“Quero falar sobre o asfalto da avenida Coronel Orestes Lucas. Estive na reunião com o prefeito e nosso presidente Tio Deio, que mora próximo ao local. Juntos conseguimos, quero ressaltar a importância de todos os vereadores nisso, porque sozinho a gente não consegue nada. Somos uma equipe. Na rua Padre Grego vai sair o asfalto também, me sinto muito feliz pois nasci e me criei naquela rua. Hoje posso dizer que sou um vereador feliz com isso. Temos mais de 20 ruas pra asfaltar ainda, mas não estamos freados. Estamos fazendo conforme o município pode. Quero ressaltar a importância do Centro de Convivência, no sentido da assistência social. Muitas coisas estão acontecendo dentro do município. Falar mal é muito fácil. Mas o que é bom mesmo pra população é somar, correr atrás.”

Vereador Gilberto:

“Quero falar sobre as obras que estão a caminho e as que estão sendo feitas. É muito fácil pensar que um administrador não está fazendo nada. Mas na verdade ele sempre está fazendo alguma coisa, ninguém para. Os problemas são muitos e às vezes não se enxerga muito bem as mudanças, principalmente quando não se quer ver. As obras de asfaltamento e calçamento estão iniciando. Logo o secretário vai nos relatar o andamento, explicará tudo certinho. Muitas coisas serão feitas, muitas já estão sendo feitas. É muito importante salientar e informar a comunidade também que já está sendo feita a licitação para a instalação das câmeras de monitoramento na cidade, que serão controladas pela Brigada Militar. Isso trará um aperfeiçoamento no ótimo trabalho que eles já fazem no nosso município.”

Moção de Aplausos a heróis da BM

Postado por Ari Schneider  /   novembro 09, 2018  /   Posted in Geral  /   No Comments

Na última terça feira, dia 6 a Câmara Municipal de Vereadores, por proposta da vereadora Ana Bauermann, concedeu Moção de Aplausos aos soldados Deividi Nunes Machado, Douglas Derher, Matheus Moraes e Dinardi Felix Correa Neto, pela ação de salvamento de dois bebês. Na ocasião, os vereadores mais uma vez destacaram o belíssimo trabalho realizado pela Brigada Militar em nosso Município.

Jair Bolsonaro será diplomado em 10 de dezembro, informa TSE

Postado por Ari Schneider  /   novembro 09, 2018  /   Posted in Geral  /   No Comments

Ato de diplomação confirma que candidato eleito cumpriu todas as formalidades exigidas pela lei

Bolsonaro tomará posse como presidente da República em 1º de janeiro. Porém o Tribunal Superior Eleitoral marcou para 10 de dezembro a cerimônia de diplomação do presidente e do vice-presidente eleito general Hamilton Mourão.

Bolsonaro e Mourão foram eleitos no último dia 28 de outubro, após receberem 57,7 milhões de votos (55,13%) e derrotarem a chapa de Fernando Haddad (PT) e Manuela D’Ávila (PCdoB), que recebeu 47 milhões de votos (44,87%).

O ato de diplomação confirma que os candidatos eleitos cumpriram todas as formalidades previstas em lei. A posse de Bolsonaro como presidente da República e de Mourão como vice acontecerá em 1º de janeiro, em Brasília, e o mandato deles vai até 31 de dezembro de 2022.

A data da diplomação foi acertada na tarde de quinta-feira, dia 7, entre a presidência do TSE e a equipe do governo de transição. Os detalhes da cerimônia, que acontecerá em Brasília, ainda serão discutidos nos próximos dias. Inicialmente, o TSE havia proposto que a diplomação acontecesse em 11 de dezembro, mas decidiu antecipar para o dia 10. Isso porque, no dia 12 de dezembro, Bolsonaro vai se submeter a uma terceira cirurgia decorrente de uma facada que recebeu durante um ato de campanha.

A solenidade representa o marco por meio da qual a Justiça Eleitoral entrega oficialmente, a eleitos e suplentes, o diploma eleitoral – documento que permite o exercício do mandato.

Nas eleições presidenciais, cabe ao TSE realizar a diplomação dos eleitos, em cerimônia que acontece no plenário da Corte. Os diplomas serão assinados pela presidente do tribunal, ministra Rosa Weber. O ritual é promovido desde 1951, quando Getúlio Vargas retornou à Presidência da República por meio do voto popular.

Suspensa durante o regime militar – de 1964 a 1985 –, a solenidade retornou ao TSE após a redemocratização do país, em 1989, com a eleição de Fernando Collor de Mello. Para receber o diploma, os candidatos eleitos precisam estar com o registro de candidatura deferido e as contas de campanha julgadas. De acordo com o calendário eleitoral deste ano, as solenidades de diplomação devem ocorrer até o dia 19 de dezembro.

Moradores do bairro São Jorge reclamam da dificuldade de acesso à unidades de saúde

Postado por Ari Schneider  /   novembro 09, 2018  /   Posted in Geral  /   No Comments

A Comissão de Saúde recebeu na última segunda-feira, 5 de novembro, um grupo de moradores do bairro São Jorge que relatou uma série de transtornos ocorridos desde a suspensão dos atendimentos na Unidade de Saúde da Família São Jorge em abril deste ano. Os usuários do bairro passaram a ser recebidos na Unidade Básica de Saúde da Vila Kunz, em Hamburgo Velho, e, desde o final de outubro, também na recém-inaugurada USF Kraemer, no São Jorge. Eles reclamam, porém, que as linhas de ônibus que atendem o bairro não passam em frente às duas unidades, o que dificulta o acesso, especialmente para pessoas com mobilidade reduzida.

A principal reivindicação dos cidadãos é pela instalação de um novo posto de saúde no bairro. Enquanto isso, eles pleiteiam a criação de uma linha de transporte público ou uma alteração de itinerário que contemple as unidades e o bairro São Jorge, com trânsito em diferentes horários. A comissão agendará uma reunião junto ao diretor de Transportes Públicos da Prefeitura, Leandro de Bortoli, e o diretor de Mobilidade Urbana, Nelson Dietrich Jr, para repassar a demanda. “Nossa proposta é intervirmos junto ao Executivo para garantir melhores condições de deslocamento até a unidade de saúde, facilitando principalmente para idosos que têm uma dificuldade maior para se locomover”, explicou o presidente da Comissão de Saúde, Enfermeiro Vilmar. O encontro deve ocorrer já na próxima segunda-feira, dia 12, a partir das 16h.

Vereador Diego Martins cobra políticas municipais voltadas à segurança

Postado por Ari Schneider  /   novembro 09, 2018  /   Posted in Geral  /   No Comments

Parlamentar voltou a reivindicar a implantação do GGI para que haja um fórum local de debates acerca de segurança pública

Uma série de crimes registrados nas últimas semanas, com destaque para o arrombamento de um caixa eletrônico do Banrisul na tarde de domingo, levou Diego Martins à retomar a pauta da segurança na sessão de segunda, dia 5. Segundo ele, o ataque à instituição poderia ter sido evitado caso estivesse em vigor a lei municipal que obriga os bancos a manterem vigilância armada 24h. Outra medida preventiva, disse o emedebista, seria a implementação de seu projeto que prevê câmeras de monitoramento nas áreas externas das agências.

Neste contexto, o parlamentar voltou a reivindicar a criação do Gabinete de Gestão Integrada, um órgão municipal que uniria poder público e sociedade civil organizada em debates sobre segurança. “Por vezes, o problema é uma lâmpada queimada em frente à tua casa, um terreno onde não foi feita a limpeza. Se todo mundo sentar em uma mesma mesa, quem sabe a gente consegue resolver as coisas de um modo mais rápido”, analisa.

Em seu discurso, o parlamentar destacou que a nova bancada federal gaúcha, em reunião na semana passada, definiu que uma das emendas não impositivas ao orçamento da União de 2019 irá contemplar a extensão da BR-448 até Portão. Os valores, segundo ele, contemplam o Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental e o projeto preliminar da rodovia. “Estamos na iminência de uma luta melhor para que a gente consiga essa extensão, tendo em vista que agora nossos deputados entenderam a importância desta prioridade, mas continuaremos na cobrança.”

Da tribuna, Diego lembrou já ter solicitado ao Município um estudo para que as faixas de pedestre sejam recuadas em relação aos cruzamentos e, além disso, ganhem defensas metálicas para as pessoas não cruzarem por fora. “Às vezes, os carros precisam parar no meio da via para o pedestre atravessá-la. Falta entendimento de quem deve passar primeiro, o que pode causar acidentes. Precisamos de políticas efetivas para tornar a mobilidade urbana melhor.”

Quanto à cedência de dragas por parte do governo estadual, em atenção a reiterados pedidos do presidente da Câmara, Diego afirmou já ter contatado o líder do governo na Assembleia, Gabriel Souza, para fazer a intermediação. A intenção é conseguir o maquinário emprestado para desassorear arroios e, assim, reduzir os alagamentos causados por chuvas fortes.

Escolas de Estância Velha recebem itens de laboratório

Postado por Ari Schneider  /   novembro 09, 2018  /   Posted in Geral  /   No Comments

A entrega ocorreu na segunda-feira, dia 5, por iniciativa da Secretaria Municipal de Educação e Cultura

Com o intuito de estimular o uso destes materiais na pesquisa, inicialmente quatro Escolas Municipais de Ensino Fundamental Anita Garibaldi, Marechal Cândido Rondon, Nicolau Anselmo Wecker e Germano Dauernheimer, receberam itens de laboratório, como Placa de Petry Bureta, Funil, Pisseta, Bico de Bunsen, entre outros. A entrega ocorreu na segunda-feira, dia 5, por iniciativa da Secretaria Municipal de Educação e Cultura. A ideia é contemplar todas as escolas do município.

A diretora da EMEF Anita Garibaldi, Franciele Anzolin, enfatiza a importância de ter recebido os itens de laboratório e explica que a escola possui uma sala de aula de ciências, mas não totalmente adaptada, e com estes materiais será possível fazer as práticas no espaço. “Os materiais recebidos proporcionarão aulas mais práticas e dinâmicas, evidenciando a aprendizagem através de experimentos e comparações. Todos os 270 alunos da escola serão beneficiados”, disse.

A secretária Municipal de Educação e Cultura, Marly Arigony, destaca a importância de trabalhar a pesquisa cientifica nas escolas. “Acreditamos se a pesquisa atuar como uma ferramenta pedagógica, o ganho com os nossos alunos será grande. Já sentimos uma diferença significativa em relação ao que os estudantes estão nos apresentando”, finalisa.

Implantação do Sistema Municipal de Educação

Postado por Ari Schneider  /   novembro 09, 2018  /   Posted in Geral  /   No Comments

Na manhã da última segunda-feira, dia 5, o prefeito Renato das Chagas, participou de reunião na sede da Secretaria de Educação, juntamente dos membros do Conselho Municipal de Educação, representantes da SEMECDT e da Câmara de Vereadores, sobre a implantação do Sistema Municipal de Educação, objetivando discutir questões relativas para a sua efetivação.

Durante a reunião, a Presidente do CME, Fabiana Machado, explanou sobre o tema, apontando os artigos das leis que amparam para a implantação do SME, dentre elas, destacou o Plano Municipal de Educação de Portão, em especial a meta 19, explicando que constituir o Sistema significa autonomia para o Ensino Municipal, adequando as estruturas legais às peculiaridades locais e dando agilidade aos processos.

A Minuta de Anteprojeto de Lei que cria o Sistema Municipal de Educação de Portão e Minuta de Projeto que reestrutura o CME segue para leitura e aprovação na Câmara de Vereadores.

De acordo com a Secretária Rosaura Gomes, a instituição do Sistema Municipal de Educação é um grande avanço para uma educação com qualidade no Município, respaldando-se sempre nas Legislações Federais: “Estamos dando um grande passo para a educação portonense” acrescenta.

Secretaria de Saúde de Portão promoverá ações para o Novembro Azul

Postado por Ari Schneider  /   novembro 09, 2018  /   Posted in Geral  /   No Comments

A Liga Feminina de Combate ao Câncer irá custear exames laboratoriais voltados à saúde do homem aos referidos pacientes para otimizar a ação

A Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com a clínica São Pietro Saúde e a Liga Feminina de Combate ao Câncer, irá realizar mutirão para 100 atendimentos em urologia e posteriormente realização de vasectomias para os pacientes que aguardam este procedimento pelo serviço público. A Liga irá custear exames laboratoriais voltados à saúde do homem aos referidos pacientes para otimizar a ação.

A regulação deste processo, bem como das cirurgias eletivas de Vasectomia, se dará pela Secretaria de Saúde do município, que possui relação dos pacientes que aguardam a consulta com o referido especialista, bem como pelo procedimento. A estimativa é de que a demanda seja absorvida próxima a sua totalidade.

Outra grande Ação, será a realização da Palestra sobre Saúde do Homem, no dia 27/11, as 19h, no Centro de Eventos, localizado na rua 9 de Outubro, nº 190. A proposta do evento é elucidar questões relacionadas ao público masculino. Cabe ressaltar que este evento é aberto a toda comunidade.

“Espera-se com essa ação, diminuir consideravelmente a demanda reprimida para consultas com essa especialidade. Além disso, iremos realizar em todas as unidades de saúde do município atividades voltadas à saúde do homem”, explica o Secretário Adjunto da Saúde, Fábio Beneton.