Situação da academia da Vila Rica afasta a comunidade, alerta Leco

Postado por Ari Schneider  /   novembro 23, 2018  /   Postado em Geral  /   Nenhum comentário

O desleixo espanta os moradores, que se privam de momentos de lazer

Com mato na altura dos equipamentos para exercícios, a Academia da Saúde da Vila Rica, ao invés vez de atrair frequentadores, os afasta. Foi o que destacou Alexsandro Argenta, o Leco, ao ocupar a Tribuna da Câmara na última segunda, dia 19.

Através do Pedido de Providência nº 140/2018, ele solicitou que seja feita uma limpeza com urgência na praça da Vila Rica. Além do mato alto, há montes de entulho em vários pontos e na quadra de areia tem bastante grama crescida. Segundo ele, a situação de desleixo espanta os moradores, que se privam de momentos de lazer.

Leco também apresentou na sessão de segunda o Pedido de Providência nº 141/2018, em que pede o conserto da rua Nelson da Rosa, que está em péssimo estado, no Rincão do Cascalho; e a revisão na iluminação da rua Rui Barbosa, no Cantão, porque a via está às escuras, segundo ele.

O parlamentar protocolou, ainda, a Indicação nº 85/2018 para que institua o Fundo Municipal de Auxílio Transporte Escolar para subsidiar as despesas de alunos que fazem curso técnico e superior fora de Portão. No mês passado, o vereador já havia pautado esse assunto, mas através do Projeto de Lei nº 58/2018, que acabou sendo arquivado por inconstitucionalidade.

Postar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

20 − 3 =

%d blogueiros gostam disto: