Estudantes apresentam projeto de energia sustentável

Postado por Ari Schneider  /   novembro 16, 2018  /   Postado em Geral  /   Nenhum comentário

O projeto “Energia Sustentável na Utilização Doméstica” foi classificado para a XII MOSTRACLAK

Atendendo ao requerimento verbal do vereador Enio Brizola, os alunos Guilherme Strassburg e Pedro Strassburg, matriculados no 1° ano do ensino médio do Colégio Estadual Vila Becker, do bairro Operário, acompanhados pela professora-orientadora Lizege Natáli Cardoso, ocuparam a tribuna na tarde de quarta-feira, dia 14, para apresentar aos vereadores o projeto “Energia Sustentável na Utilização Doméstica”. Os estudantes foram classificados durante a XII MOSTRACLAK, realizada em setembro, no Colégio Luterano de Estância Velha, com o prêmio de credenciamento para participar da IX Mostra de Ciências e Tecnologia da Escola Açaí – MCTEA, evento que será realizado em dezembro deste ano, no estado do Pará.

“Pensamos, muitas vezes, que só o fato de não jogar lixo no chão e cuidar do lixo que produzimos vai resolver os problemas ecológicos. Com o projeto mostramos que, mesmo fazendo essas coisas, a maior poluição está na construção civil, com a produção e consumo de carros poluidores, por exemplo. Por isso, a nossa ideia é construir uma casa autossustentável, para diminuir a poluição ambiental no decorrer dos anos”, relatou Pedro.

“O objetivo do trabalho é baixar o consumo diário de água potável através de uma cisterna, onde é armazenada a água da chuva. E também propomos a redução da poluição com energia limpa, por meio da energia solar, usando placas fotovoltaicas”, disse Guilherme.

Para que se torne possível a participação na mostra, os alunos solicitam que quem puder contribua com uma vaquinha eletrônica. “É uma maneira de contribuir com a educação, e incentivar cada vez mais jovens a desenvolverem projetos científicos para adquirirem conhecimento, e conquistar seu lugar. Agradecemos a compreensão e pedimos que compartilhem”, disse a professora Lizege.

Anualmente a feira científica Mostra CLAK recebe projetos de alunos com idade entre 10 e 18 anos, de escolas privadas e públicas do Vale dos Sinos. O objetivo é oportunizar a construção de conhecimentos a respeito do processo de iniciação científica, avaliando a importância do desenvolvimento tecnológico aliado à preservação ambiental e à sustentabilidade.

O Movimento Científico Norte-Nordeste, Prefeitura Municipal de Abaetetuba, Secretaria de Educação do Município de Abaetetuba e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará – Campus Abaetetuba, com o apoio da TV LIBERAL – Afiliada da Rede Globo, promoverão a IX Mostra de Ciências e Tecnologia da Escola Acaí-MCTEA, e também a realização do evento itinerante do MOCINN no período de 3 a 7 de dezembro de 2018 na cidade de Abaetetuba – Pará – Brasil.

A MCTEA já contou com projetos de mais de 200 municípios, 22 estados brasileiros e além de países como: Argentina, Colômbia, Espanha, Equador, México, Peru e Turquia. Envolvendo alunos e professores de instituições públicas e particulares de Ensino Infantil, Fundamental, Médio, Técnico e Superior, em diversas categorias estabelecidas a partir das Ciências (Exatas e da Terra, Biológicas, da Saúde, Agrárias, Sociais, Humanas e Engenharias e suas Aplicações).

Postar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

oito − 4 =

%d blogueiros gostam disto: