Semana Nacional do Trânsito teve início em Estância Velha

Postado por Ari Schneider  /   setembro 21, 2018  /   Postado em Geral  /   Nenhum comentário

Neste ano, o tema é “Nós somos o trânsito”

Antes mesmo da abertura oficial, marcada para as 19h no auditório do Centro Administrativo Prefeito Gabriel Steiner, a Semana Nacional do Trânsito já começava com fiscalizações educativas no trânsito. As fiscalizações ocorreram às 9h na Avenida 7 de Setembro e às 15h na Avenida Brasil. Foram 68 abordagens e dez infrações ao total. No período da tarde foram feitos testes de bafômetro, mas nenhum caso foi registrado. A fiscalização foi comandada pela Guarda Municipal e Brigada Militar.

Para o inspetor operacional da GM, Silvio Marques, estas ações são necessárias para diminuir números de problemáticas como acidentes e mortes. “Quando ficamos algum tempo sem fazer, percebemos que aumentam os casos de imprudências. Por isto estamos buscando fiscalizar com mais frequência”, destacou. Na opinião dele, o brasileiro tem mais medo de ser multado do que sofrer acidente. “Nosso trabalho é manter uma fiscalização forte para preservar a segurança de todos”, concluiu.

De acordo com o morador de Portão, mas que estava passando pela cidade e foi barrado, Andre Prezniska, 32 anos, estas atividades são importantes não só na Semana do Trânsito. “Verificar documentação e normas como o uso do cinto de segurança favorecem as pessoas. É um trabalho que deveria ser mais valorizado, pois garante a nossa segurança”, salientou. Ele aproveitou para contar que outro dia também foi parado em uma barreira e não se importa.

“Muito importante” são as duas palavras que definem o que significa esta ação para o morador de Estância Velha, Marcos Cavalheiro dos Reis, 35 anos. “Orientar a população, fiscalizar irregularidades e diminuir o número de acidentes são os principais intuitos destas barreiras”, complementou.

Orgulhoso com o teste do bafômetro zerado, o morador do Município, Romeu Eleutherio, 55 anos, disse que para quem segue a lei, não há problema. “Os cidadãos devem agir conforme a lei, ela existe para ser cumprida”, finalizou.

Postar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

7 + nove =

%d blogueiros gostam disto: