Secretaria de Educação de Novo Hamburgo entrega chomebooks para escolas municipais

Postado por Ari Schneider  /   junho 18, 2018  /   Postado em Geral  /   Nenhum comentário

Projeto piloto deverá ser ampliado para toda a rede municipal de ensino

Prefeita Fátima Daudt e secretária de Educação, Maristela Guasselli, entregaram 120 chomebooks na EMEF Profª Adolfina Diefenthaler.
Crédito: Bruna Provenzano

Alunos e professores de Escolas Municipais de Novo Hamburgo contam com mais um importante recurso pedagógico. A Secretaria de Educação (SMED) adquiriu 400 chromebooks, computadores para uso exclusivo na rede. Como projeto-piloto, os equipamentos foram entregues para duas escolas e também estão à disposição para uso na SMED e no Centro Municipal de Tecnologia Educacional (CEPIC). O objetivo é ampliar a proposta em outras escolas.

Na tarde de terça-feira, 12 de junho, a prefeita Fátima Daudt e a secretária de Educação, Maristela Guasselli, fizeram a entrega de 120 chomebooks na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Prof.ª Adolfina Diefenthaler, no bairro São José. A mesma quantidade já havia sido entregue aos professores e alunos da EMEF Arnaldo Grin, em Santo Afonso. “Este é um avanço importante para os alunos e professores que contarão com esta tecnologia avançada para realizarem atividades nas escolas” destacou a prefeita Fátima Daudt.

Os equipamentos são agrupados em 40 unidades e armazenados em um gabinete móvel que, além de facilitar o transporte, também auxilia no carregamento das baterias, já que é possível abastecer todas as máquinas com um único cabo de energia. Desta forma, os professores que necessitem dos computadores podem levá-los até as salas de aula para realizar trabalhos e pesquisas com os alunos.  “A tecnologia amplia as possibilidades de pesquisa e busca por conhecimentos. Estas máquinas vão potencializar o trabalho que já realizado nas escolas municipais”, explicou Maristela.

Espaço Maker
Os computadores também serão utilizados para incrementar a proposta de Espaço Maker nas escolas. Desde o ano passado, os professores participam de formações sobre o movimento que estimula a autonomia e a criatividade dos alunos a partir da interação entre diferentes áreas do conhecimento. Utilizando diferentes tecnologias e materiais, os jovens são estimulados a buscarem soluções e criarem seus próprios produtos.

Postar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

oito + 19 =

%d blogueiros gostam disto: