Mutirão de limpeza mobilizou voluntários no Lago Azul

Postado por Ari Schneider  /   janeiro 22, 2018  /   Postado em @destaque-foto  /   Nenhum comentário

Um grupo de cerca de 50 pessoas, formado por agentes de saúde, defesa civil, fiscais de posturas, voluntários dos clubes de serviço e da comunidade se engajaram no Mutirão de Limpeza organizado no Bairro lago Azul nesta quinta-feira, 18. O grupo foi dividido em duplas, cada uma com um agente de saúde. 

Cada agente de saúde ficou com a responsabilidade de repassar as orientações aos moradores. As residências onde foram constatados problemas foram registradas para uma posterior vistoria mais minuciosa. O mutirão também foi acompanhado pela fiscalização de posturas, que realizou notificações, onde foram contatadas situações mais graves. 

Segundo a coordenadora da Vigilância em Saúde, Denise Medeiros Teixeira, neste mutirão será feita uma varredura no bairro com orientação, e levantamento dos locais com problemas. “A intenção hoje é o início de um trabalho que vai ter seguimento, e com a mesma intensidade”, disse Denise. 

Em uma destas situações a equipe que estava acompanhada da secretária de Saúde, Ana Paula Macedo, entrou em uma casa sem moradores e com uma piscina completamente abandonada e com muitas larvas de mosquito. “Vamos descobrir quem é o proprietário da casa e notificar para que tome uma providência e se voltarmos em dois ou três dias e continuar assim ele será multado”, explicou a secretária. Segundo ela, considerando o caso de perigo à saúde pública, a permissão para entrar nos terrenos é obrigatória, ainda que tenha que ser feita com apoio da Guarda Municipal. 

A secretária lembrou ainda às equipes que orientem os moradores para procurarem a unidade de saúde do bairro ou o Hospital Municipal Getúlio Vargas (HMGV), em caso de suspeita de Dengue. “As pessoas estão com muitas dúvidas, então se alguém perguntar, mesmo quem tem plano de saúde deve ser orientado a informar o serviço de saúde pública”, disse. 

A prefeita Ivete Grade também esteve presente no mutirão na parte da manhã. “Precisamos conscientizar as pessoas do risco que estão correndo. Agora temos a doença transmitida aqui mesmo e não podemos mais pensar que está longe. Precisamos da parceria da comunidade, afinal, agora, todos nós e nossas famílias estamos correndo o risco”, disse a prefeita.

Postar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

nove + 13 =

%d blogueiros gostam disto: