Comunidade faz protesto durante sessão da Câmara de Estância Velha

Postado por Ari Schneider  /   outubro 30, 2014  /   Postado em @destaque-texto  /   Nenhum comentário

A última sessão ordinária do mês de outubro da Câmara de Vereadores de Estância Velha, realizada na noite de terça-feira (28), reservou grandes emoções. Primeiramente entrou em votação o Projeto 060/2014, que visava regrar o funcionamento das lojas de conveniência, limitando o seu fechamento às 22 horas. Nesse projeto existiam três emendas de vereadores. Luciano Kroeff propôs que as mesas e cadeiras fossem deixadas, já que o projeto previa também a sua retirada. Euclides Tisian previa que as lojas ficassem abertas até as 23 horas, já que o projeto tinha fixado em 22 horas, mas o vereador retirou sua emenda antes de ir à votação. Por último a vereadora Sônia Brites propôs que fosse proibido o consumo de bebidas alcoólicas nas lojas de conveniência. As duas emendas foram reprovadas por maioria, assim como o projeto, que teve apenas o voto favorável da vereadora Sônia Brites.
Após a votação, os vereadores se dirigiram a Palavra Livre. A maioria se referiu as eleições do último domingo, que elegeu Dilma Rousseff para mais quatro anos na presidência do Brasil. O momento mais marcante, pois quando Sônia Brites subiu à tribuna, a plateia se virou de costas para ela, segurando cartazes, panfletos com a capa da Revista Veja e contrariando as palavras da vereadora.
A próxima sessão ordinária acontece na terça-feira (4), às 19 horas, no Plenário da Câmara Municipal e como de costume terá transmissão ao vivo pelo Canal Câmara EV no You Tube.

Postar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

9 − 1 =

%d blogueiros gostam disto: